HotSite: O que é, e por que ter um

Muita gente se dá por satisfeito em ter um site. O que muitos não sabem é que há diferentes tipos de site, cada qual com seu propósito. Entre os muitos tipos e finalidades associadas a cada um, há um que já fez mais sucesso, mas ainda é uma ótima alternativa em algumas situações específicas – o HotSite! Mas o que é um HotSite? Por que eu deve ter um? Quando eu devo ter um HotSite? São algumas perguntas comumente feitas. Então vamos respondê-las!

O que é um HotSite?

Este é um tipo de conceito de site dos mais antigos. Anterior até mesmo a popularização de conceitos como Marketing Digital e Marketing de Conteúdo, mas sua essência, carrega muito de ambos e há até quem diga, que foi graças aos hotsites que começou-se a desenvolver um trabalho mais profissional e menos empírico quando o assunto é Internet.

Um HotSite não precisa – e geralmente não tem – ter nenhum tipo de identidade visual com o principal, exceto em aspectos básicos, como o logotipo da empresa. É uma oportunidade de sair do convencional e das tradições que costumam estar associadas ao site institucional, no qual constam os demais produtos / serviços da empresa.

Quais as características de um HotSite?

Um HotSite tem algumas características comuns e que fazem dele diferenciado em relação a outros tipos de sites que estamos acostumados:

  • Geralmente tem um design diferenciado em relação ao site principal da empresa e o layout, cores, tipografia, entre outros aspectos, costumam ter relação com o produto, visando dar destaque ao mesmo;
  • É comum que se ressalte mais algumas características do produto e os respectivos benefícios associados, de forma mais intensa e destacada, do que se faz com o restante da linha de produtos;
  • Há a liberdade, a qual deve ser explorada, de se inovar nos aspectos visuais, os quais geralmente estão associados a uma ou às principais características e vantagens de produto que é abordado. Assim, se por exemplo, preocupação ecológica na produção do item, é um dos seus destaques, adotar a cor verde como predominante no visual do site, é uma alternativa;
  • Até mesmo a experiência do usuário (UX design) em termos de interação e navegação, costumam ser diferentes comparativamente ao site principal. Não é raro haver apenas navegação vertical e recursos como vídeos, exibição do produto em 360º, galerias e outros tipos de conteúdo que geram uma experiência visual mais rica;
  • Se no passado utilizava-se um domínio exclusivamente para o HotSite, hoje tem sido comum a manutenção do domínio principal, usando-se uma pasta ou diretório dele, contendo a palavra-chave mais importante ou descritiva do produto, com vistas a melhorar o SEO;
  • Ele costuma ter um caráter temporário, ou seja, ao contrário do site institucional que é permanente e que apenas pode sofrer alterações estéticas ou mesmo de conteúdo, mas que essencialmente permanece inalterado por muito tempo, um hotsite normalmente é desativado após pouco tempo, já que um dos seus propósitos é criar impacto próximo ao lançamento. Após a sua desativação, as informações do produto passam a integrar o site principal, da mesma forma que todos os demais itens da gama de produtos;
  • Conter elementos / recursos que permitam desfechos favoráveis, como viralização espontânea, usando para isso o compartilhamento em redes sociais e conteúdo que gere interesse e relevância;
  • Como o objetivo deste tipo de site é vender, sem que seja uma loja virtual, é comum em algum ponto o uso de CTA (Call To Action), ou seja, estimulando o visitante a realizar alguma ação, como por exemplo, agendar um testdrive, ou cadastrar-se para receber um PDF ou e-book, ou ainda uma amostra grátis, entre outras possíveis ações relacionadas.

Mas independente das características mais comuns que boa parte dos hotsites compartilham entre si, o que mais importa, é alcançar diferenciação, destaque e comunicar aos clientes em potencial, sobre o novo produto / serviço.

Por que ter um HotSite?

Algumas razões para uma empresa criar um HotSite, já devem estar razoavelmente aparentes após tudo o que já abordamos. De qualquer forma, vamos deixar explícitas as razões mais comumente utilizadas para criar um:

  • Aumentar a visibilidade de um produto / serviço, em relação aos demais itens da linha de produtos da empresa;
    Poder trabalhar uma experiência diferenciada em termos de comunicação dos benefícios que o lançamento traz associado a si, bem como estimular o cliente a compra;
  • Usar ferramentas de Marketing Digital para rapidamente melhorar o posicionamento do produto em relação ao mercado e seus concorrentes;
  • Criar identidade do novo produto, distinguindo-o dos demais;
  • Divulgação integrada com e-mail Marketing e Newsletter, bem como em redes sociais;
  • Ampliar a presença digital da empresa.

Vê-se que um HotSite é uma opção de site que pode atender a certas demandas especiais de um plano mais amplo de Marketing Digital da empresa, que envolve muito mais do que apenas ser mais um site a tratar de algo específico.

Da mesma forma – ou até mais em alguns casos – que em relação a qualquer site, requer planejamento, estudo, trabalho e investimento, que geralmente vai além da sua simples criação. É frequente e necessário realizar um impulsionamento através de várias ferramentas, como por exemplo, links patrocinados.

Precisa de ajuda?